Anúncios

Devido a crise Moro, o dólar abriu recentemente em alta nesta sexta-feira (24), renovando máximas históricas de cotação nominal. Tudo indica que esse pico só tem propensão de crescimento.

A tensão política em torno da exoneração do diretor-geral da Polícia Federal e espera do anúncio de saída ainda nesta sexta feira do Juiz Moro, é o central motivo da alta.

Logo bem cedo o dólar estava sendo vendido por R$ 5,5747, em alta de 0,84%. Na máxima até agora chegou a R$ 5,5822, a tendência é fechar com mais um record.

Anúncios

Ontem o dólar encerrou em forte alta de 2,21%, a R$ 5,5285, novo recorde nominal de fechamento, mas, na máxima do dia durante os negócios, chegou R$ 5,5300. No entanto, no mês, a moeda acumulou alta de 6,40%. No ano, a valorização é de 37,87%.

Devido crise com Moro, dólar bate R$ 5,58 e atinge mais um recorde histórico

Crise política com Moro e alta da moeda.

O Banco Central em comunicado oficial, anunciou para esta sexta-feira leilões de linha de dólar e de contratos de swap cambial para rolagem de vencimentos em ambos os instrumentos, com uma oferta total de US$ 3,5 bilhões.

A tensão política com Moro ainda existe, mas não sabemos até quando. Os companheiros de trabalho de Sergio Moro, afirmaram que ele foi pego de surpresa com a publicação, no “Diário Oficial” desta sexta-feira (24), da exoneração do delegado Maurício Valeixo.
Os interlocutores do ministro, Moro realmente não gostou da decisão do presidente Jair Bolsonaro, e, então, pretende anunciar sua saída do governo em entrevista coletiva marcada para as 11h na sede do ministério.

Mercado financeiro em instabilidade novamente.

Anúncios

Conforme a publicação do Globo, logo na véspera, os mercados financeiros no país pioraram acentuadamente após notícia de que o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, teria pedido demissão após decisão do presidente Jair Bolsonaro de trocar a diretoria-geral da Polícia Federal.

Esta matéria está em atualização, mas continue acompanhando nosso portal Digital Seguro para permanecer por dentro das notícias atualizadas do  Brasil e do mundo.

Enfim, não se esqueça de compartilhar.

Anúncios